Mesmo dentro dos limites, lcool prejudica a viso em at 30%

Em vrias partes do mundo foi determinado um consumo-limite de lcool como forma de aumentar a segurana no trnsito. Pesquisadores do Canad estudaram quanto e de que forma a viso comprometida mesmo dentro desses parmetros aceitveis, chegando concluso de que a viso pode ser prejudicada em at 30% antes mesmo de o bafmetro acusar que a pessoa atingiu ou passou desse limite.

Publicado no jornal Perception, de Ontrio, o estudo mostrou que, alm de o lcool afetar as habilidades motoras da pessoa e a tomada de deciso, tambm reduz o contraste visual, dificultando a noo de profundidade e a distino de tudo o que for claro e escuro. No comeo da manh e ao cair da tarde, especialmente quando a luz do sol est baixa e pode prejudicar a viso at mesmo de quem no bebe, a noo de contraste ajuda muito na hora de evitar um acidente, diz Brian Timney, coordenador do estudo.

Na opinio do cirurgio-oftalmologista Renato Neves, diretor do Eye Care Hospital de Olhos, em So Paulo, quem j percebeu como os olhos ficam vermelhos e como as reaes se tornam mais lentas depois da ingesto moderada ou alta de bebidas alcolicas deve desconfiar do impacto que isso causa no crebro e, consequentemente, na viso a longo prazo.

Entre os sintomas mais comuns esto a viso dupla e a viso embaada. Com a repetio desses episdios, os msculos que controlam o foco da viso ficam comprometidos, prejudicando grandemente a noo de distncia e profundidade. Tambm a viso perifrica, que d uma noo do que est acontecendo ao redor da pessoa, fica altamente prejudicada com o tempo e isso especialmente ruim para quem vai dirigir, diz o mdico.

Neves chama ateno para outro estudo, desenvolvido pela Faculdade de Medicina da Hallym University, na Coreia do Sul, que revela que o consumo de lcool tambm est relacionado a distrbios da superfcie ocular, como olho seco. Quando o consumo de lcool prolongado, possvel identificar uma mancha permanente nos olhos: vermelha ou amarela. Esse , inclusive, um dos sinais fsicos encontrados nos alcolatras. Com o tempo, a presso ocular elevada pode danificar o nervo ptico, resultando em glaucoma e na perda permanente da viso.

Mais informaes: http://www.medicalnewstoday.com/articles/271261.php

África do Sul | Alemanha | Austrália/Nova Zelândia | Espanha | Estados Unidos | França | Holanda/Bélgica | Itália | Polônia | Reino Unido | Suécia